Heading

Novela Aduaneira XIX

Ao passar da Alfândega, a Revolução do Brasil...

28 de abril de 2022
Conjunto de selos brancos utilizados na Alfândega Portuguesa. Aquando da implantação da República, em 1910, a coroa régia foi substituída pela sigla RP (República Portuguesa). Coleção Aduaneira na exposição “Metamorfose de um Lugar: Museu das Alfândegas”
“A revolução do Brasil (tal como a contam os telegramas passados através da censura republicana) é menos uma revolução do que uma transformação – como nas mágicas.
O Marechal Deodoro da Fonseca dá um sinal com a espada: imediatamente, sem choque, sem ruído, como cenas pintadas que deslizam, a monarquia, o monarca, o pessoal monárquico, as instituições monárquicas desaparecem – e, ante a vista assombrada, surge uma república, toda completa, apetrechada, já provida de bandeira, de hino, de selos de correio e da bênção do arcebispo Lacerda.

Sem atritos, sem confusão, esta república começa logo a funcionar. Nas repartições do Estado, os amanuenses, que já tinham lançado no papel dos decretos a velha fórmula «em nome de sua majestade o imperador», riscam, ao ouvir na rua aclamações alegres, este dizer anacrónico e, sem mesmo molhar novamente a pena, desenrolam no seu melhor cursivo a fórmula recente - «em nome do presidente da República». E quem saíra tranquilamente de sua casa com seu guarda-sol aberto para ir à secretaria entregar um memorial ao Sr. Albuquerque, ministro do Império – encontra o Sr. Bocaiuva, ministro da República, que sorri e recebe o memorial!

Toda essa revolução, segundo os telegramas, foi feita antes do almoço. Os Brasileiros que, regressando à pátria, desembarcam essa manhã no cais do Rio de Janeiro, ainda pisaram o solo do Império, como se vinha dizendo havia sessenta anos; mas, ao saírem as portas da Alfândega, depois de despachadas as bagagens, já pisavam o solo da República, como se estava dizendo, havia sessenta minutos.”

Eça de Queirós, in “Notas Contemporâneas”, ALFÂNDEGA Revista Aduaneira nº ?

Fotografia: Conjunto de selos brancos utilizados na Alfândega Portuguesa. Aquando da implantação da República, em 1910, a coroa régia foi substituída pela sigla RP (República Portuguesa). Coleção Aduaneira na exposição “Metamorfose de um Lugar: Museu das Alfândegas” © Arquivo AMTC

Adicionar comentário

Scroll