Heading

Museu e Universidade Júnior 2016

2016-08-02
Grupo de alunos da Universidade Júnior no exterior do Edifício da Alfândega do Porto | © Arquivo AMTC
Grupo de alunos da Universidade Júnior no exterior do Edifício da Alfândega do Porto | © Arquivo AMTC
O Museu colaborou com a Universidade do Porto, no projeto - Universidade Júnior 2016 - que teve como objectivo disponibilizar um conjunto de atividades para as férias dos jovens, do 5º ao 11º ano.
Este contemplou duas dinâmicas:
 
- Verão em Projecto (jovens do 9º ao 11º ano).
Para esta iniciativa o Museu apresentou a oficina: “Alfândega em flashes: montagem de uma exposição fotográfica”. Entre 27 de Junho e 1 de Julho, um grupo de 10 jovens, explorou o Museu em diversas perspectivas (edifício, exposições, reservas, coleções) a partir das quais produziram fotografias, que ilustraram os diferentes olhares mais pessoais sobre o Edifício da Alfândega Nova do Porto.
A exposição temporária “Alfândega: reflexos do olhar”, concebida e executada pelo grupo de participantes, integrou uma selecção de fotografias destes jovens, bem como algumas fotografias da coleção "Alfândega Nova: o sítio e o signo" e, também, objetos da coleção aduaneira do Museu. Uma exposição onde, através destes novos olhares, passado e presente se encontraram.
 
- Experimenta no Verão (jovens do 5º e 6º ano)
Esta iniciativa contemplou o programa “Alfândega à vista? Segue a pista”. Entre 27 de Junho e 22 de Julho, 263 jovens, divididos por 20 grupos, ficaram a conhecer o Edifício da Alfândega Nova por dentro e por fora!
Uma visita exploratória em formato de Caça ao Tesouro conduziu os participantes por diferentes espaços e histórias da vida aduaneira, em direção ao famoso Tesouro do Capitão Nortada.
A oficina “Despachar depressa e bem não há quem!” recordou as tarefas de contagem, medição, cálculo e cobrança de impostos associadas ao despacho aduaneiro.
Finalmente, um Peddypaper por Miragaia permitiu conhecer as suas ruas e vielas, histórias e lendas de tempos antigos e modernos, assim como o trabalho que Vhils registou na fachada de uma casa desta zona.
 
Com esta colaboração o Museu proporcionou aos jovens participantes momentos de descoberta, experimentação e construção de projetos inovadores em torno das suas temáticas.
 
 
 

Adicionar comentário

Scroll